Sessão solene na Câmara Municipal marca comemoração dos 51 anos do curso de Ciências Econômicas da Unimontes


Egressos da primeira turma do curso foram homenageados

A Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) comemora 51 anos de implantação do seu curso de Ciências Econômicas em 2023. A celebração foi marcada pela realização de sessão solene na Câmara Municipal de Montes Claros,  na noite de quinta-feira (16/11). A reunião foi proposta pelo vereador  Daniel Dias, egresso da Unimontes e  ex-presidente do Diretório Central dos Estudantes (DCE).

Presidida pelo vereador Wilton Dias, a sessão solene comemorativa  contou com presença do reitor da Unimontes, professor Wagner de Paulo Santiago; da diretora do Centro de Ciências Aplicadas (CCSA), professora Claudiana Aparecida Leal de Araújo; da chefe do Departamento de Ciências Econômicas,  professora Paula Margarita Cares Bustamante; e do  coordenador do Curso de Ciências Econômicas da Unimontes, professor Emerson Costa dos Santos.

Participaram ainda professores, servidores técnico-administrativos e acadêmicos, juntamente com a  presidente do Conselho Regional de Economia de Minas Gerais CORECON, Valquíria Aparecida Assis, e outros convidados.

Na oportunidade, reitor da Unimontes, professor Wagner de Paulo Santiago, destacou a trajetória do curso de Ciências Econômicas da Unimontes  “O curso de Ciências Econômicas vem exercendo o seu papel de vanguarda no desenvolvimento regional, com um corpo docente altamente competente e qualificado com mestres e doutores. Desta forma, capacita profissionais que atuam em prol do crescimento econômico, fomentando a criação de mais empregos e mais renda para a nossa região, nosso estado e nosso país”, enfatizou.

O reitor salientou que não pode esquecer os pioneiros do curso de Ciências Econômicas da Unimontes já falecidos. Entre os quais, citou o professor Ávilo de Oliva Brasil, fundador da antiga Faculdade de Administração e Finanças do Norte de Minas (Fadec), e os professores Alfredo Dolabella Portela Filho e Afonso Maia. Ele enalteceu o trabalho de   outros professores que contribuíram  para a consolidação do curso como Marcelo Martin Furtado, Jair Soares Rocha, Lourival do Amaral, Marcus Fábio Martins de Oliveira, Luciene Rodrigues (primeira doutora da nossa universidade) e  Tânia Marta Maia Fialho.

NOVO TEMPO

O reitor Wagner de Paulo Santiago destacou os avanços da Universidade. “A Unimontes experimenta um novo tempo, de avanços e incremento de suas ações no ensino, na pesquisa, na extensão e na prestação de serviços”, afirmou.

Ele lembrou que as ações de destaque da atual gestão da universidade estão o retorno do seu vestibular próprio, cujas provas serão realizadas no próximo dia 10 de dezembro, com 39.168  de candidatos, divididos em dois grupos, para o  preenchimento de 2.734 vagas oferecidas em 68 cursos. O vestibular próprio é o maior processo seletivo da história da instituição.

O reitor Wagner Santiago ressaltou a importância do apoio que tem recebido na nova gestão. “Com o apoio da comunidade e com a parceria de instituições como a essa egrégia Câmara de Vereadores, continuaremos na nossa missão de contribuir com o desenvolvimento da sociedade, promovendo a inclusão e ampliando as oportunidades para os jovens. A Unimontes se fortalece como uma universidade pública, gratuita e de qualidade.”

O vereador Daniel Dias destacou a importância e contribuição do curso de Ciências Econômicas para a população. “Quero agradecer aos meus colegas vereadores visto que essa proposição teve aprovação desta casa legislativa, por unanimidade e reverenciar a implantação e o cinquentenário do curso de Ciências Econômicas como mola propulsora para o desenvolvimento da nossa região tanto na área econômica com abertura de novas empresas, inserção de profissionais no mercado de trabalho nos setores privado e público, quanto no social através da promoção de estudos e pesquisas.”

Durante a reunião,  foi exibido um vídeo com mensagem do procurador de Justiça do Estado de Minas Gerais, Jarbas Soares Junior parabenizando o curso, seguida de homenagem e entrega de placa alusiva ao cinquentenário, aos egressos da primeira turma do curso de Ciências Econômicas da Unimontes: Ailton Lima Rocha, Márcia Machado Teixeira, Jair Soares Rocha, Maria das Graças Nassau, Sebastião Geraldo Mendes, Manoel Messias de Oliveira e Raul Caetano Sobrinho (In memoriam) representado pela filha Karina Larissa Cardoso.

PRESENÇAS

Também presentes na solenidade o Comandante do 50º Batalhão de Polícia Militar de Minas Gerais, Tenente coronel Guilherme Antunes Machado; e representantes da 11ª Região da Polícia Militar e do 10º Batalhão de Polícia Militar de Minas Gerais; e o presidente da Comissão de Igualdade Racial da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Montes Claros, Walisson Mendes Santos representando o presidente da OAB Montes Claros, Hebert Alcântara.

HISTÓRICO DO CURSO

O curso de Ciências Econômicas da Unimontes foi criado em julho de 1972, pela Faculdade de Administração e Finanças do Norte de Minas (Fadec), unidade da antiga Fundação Norte Mineira de Ensino Superior (FUNM), atual Unimontes. A Fadec implantou também os cursos de Administração e Ciências Contábeis.

Naquela ocasião, Montes Claros e o Norte de Minas receberam diversas indústrias, atraídas pelos incentivos fiscais da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene). A partir desse processo de industrialização, a região Norte de Minas experimentou um período de crescimento econômico e a cidade de Montes Claros se tornou importante polo de desenvolvimento regional.

O coordenador do Curso de Ciências Econômicas da Unimontes, professor Emerson Costa dos Santos destacou: “A Unimontes desempenha um papel crucial no norte de Minas ao oferecer o curso de Ciências Econômicas numa região caracterizada por tantos desafios econômicos. A Universidade ao completar 61 e o curso seus 51 anos de contribuição, destaca-se como instituição vital na formação de profissionais capacitados”.

O curso não apenas fornece profissionais capacitados, mas promove uma visão reflexiva e transformadora da realidade econômica local ao enfatizar valores éticos, cidadania, respeito ambiental e dentre outros. Isso reflete o compromisso da Universidade em atender as demandas específicas do Norte de Minas, fortalecendo sua importância na formação de uma base profissional sólida e contribuindo para o progresso sustentável de nossa região”, completa.

Legenda/fotos: O reitor da Unimontes, Wagner Santiago junto dos egressos da primeira turma primeira turma do Curso de Ciências Econômicas e o vereador Daniel Dias
Créditos: Fabrícia Andrade
Previous Fundação Sara realiza Festa dos Curados em Montes Claros
Next Delta Forum 2023: Seminário Internacional reúne especialistas como Peter Kronstrom

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *