Texto: Ana Paula Paixão / Fotos: Hudson Brazil

 

A Santa Casa de Montes Claros, por meio de gestão compartilhada, participativa e inovadora, busca sempre valorizar seu capital intelectual, oportunizando melhorias aos colaboradores em reconhecimento à competência, dedicação e empenho pelos serviços prestados à Instituição. Uma das maneiras de reconhecer as habilidades dos colaboradores é com o projeto Escola de Líderes, que formou a quinta do turma do programa. Totalizando 69 formandos entre gerentes e supervisores.

A primeira turma da Escola de Líderes foi realizada em 2015. Desde então, 201 colaboradores se formaram. “Este ano, foi proposto aos alunos (supervisores), a elaboração de um projeto de melhoria aplicado na área de atuação destes ou passível de aplicação institucional, com foco em melhoria contínua de processos que contribuam com sustentabilidade, governança e prestação de serviços cada vez mais humanizada aos pacientes. Assim, 14 projetos foram apresentados e estão em desenvolvimento”, explicou o diretor Administrativo e de RH, Alex Fabiano Rocha.

Já em relação a formação dos gestores, as aulas foram realizadas com foco na Formação Líder Coach. Dentro da programação, os líderes participaram do Workshop “Imersão Gerencial Criativa – IGC”, para aprofundamento das habilidades de liderança, focado no PDCA com criatividade e comunicação efetiva. Foram realizados encontros mensais de coaching e mentoria personalizados com os seguintes módulos: acompanhamento, feedback com plano de ação, como lidar com diferentes gerações, criatividade e medição de processos. Os módulos foram ministrados pelo Master Coach Gregório Ventura.