Ministério da Saúde prevê redução de 3,9 milhões de vacinas para junho


O Ministério da Saúde diminuiu a previsão de entrega de vacinas contra a covid-19 para 3,9 milhões de doses no mês de junho. No último relatório disponibilizado em 26 de maio, estavam previstos cerca de 43,8 milhões. O número foi atualizado nesta 4ª feira (2.jun.2021).

Receba a newsletter do Poder360
todos os dias no seu e-mail

Segundo o documento, a pasta irá receber 1 milhão a menos da vacina Coronavac, do Instituto Butantan. Uma redução de 6 milhões para 5 milhões. As doses da AstraZeneca, produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), também diminuíram de 20,9 milhões para 18 milhões.

Em ambos os casos, o Ministério informou que as quantidades dependem de confirmação dos laboratórios, considerando o recebimento do IFA (Ingrediente Farmacêutico Ativo), principal componente para produção da vacina. Eis as íntegras das projeções de 26 de maio (669 Kb) e de 2 de junho (664 Kb).

AstraZeneca

A Fiocruz também anunciou a redução da previsão de entregas da AstraZeneca de 110 milhões para 100 milhões de doses, no segundo semestre de 2021. A informação foi divulgada pelo diretor de Bio-Manguinhos, Maurício Zuma, e pela presidente da Fiocruz, Nísia Trindade.

Essa redução se refere a projeção feita a partir do contrato de transferência de tecnologia com a farmacêutica AstraZeneca. O acordo autoriza a fundação a produzir IFA, insumo para vacina contra a covid-19.

 

Previous Davi Alcolumbre é vacinado contra a covid-19
Next Petrobras recupera valor de mercado perdido com demissão de Castello Branco

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.