Mineiro João Fernandes apresenta-se na programação virtual do Centro Cultural Banco do Nordeste


Montes Claros (MG), 3 de novembro de 2020 – O mineiro João Fernandes, de Montes Claros, é destaque esta semana na programação virtual do Centro Cultural Banco do Nordeste. O show João Fernandes em Casa será exibido na quinta-feira, 5, às 17h, pelo YouTube, no endereço www.youtube.com/CentroCulturalBancodoNordeste.

O artista já soma dez anos de carreira. No repertório do espetáculo, traz composições de samba, MPB e ijexá. João Fernandes faz uma abordagem clássica que remete ao lirismo de sua alma mineira e mantém a tradição de sua essência.

 

De quarta a sábado, as apresentações da semana envolvem artes cênicas, artes visuais, música e atividades infantis, sempre a partir das 16h, de grupos e artistas individuais dos nove estados do Nordeste e do norte de Minas Gerais.

Todas as atrações são de classificação livre. Ao todo, são 120 projetos, selecionados via edital de chamada pública, nas modalidades “Performance artística” e “Formação”.


Confira a programação de 4 a 7 de novembro:

 

Quarta-feira, 4/11 (Artes cênicas)

16h – Memórias do Drama – Bruno Monteiro (Cascavel, Ceará)

Em “Memórias do Drama”, duas amigas de longa data compartilham suas memórias com o público, num momento repleto de alegria e afeto, salientando a importância do drama na salvaguarda dos saberes populares tradicionais.

 

Quinta-feira, 5/11 (Música)

16h – O universo dentro de nós – Jambo Jones (João Pessoa, Paraíba)

O músico Jambo Jones apresenta sua música por meio da repetição de sons. Em sua exibição, o artista constrói uma atmosfera de reflexão, despertando no público a busca pelo seu universo interior.

17h – João Fernandes em Casa – João Fernandes (Montes Claros, Minas Gerais)

Show com repertório autêntico do cantor e compositor João Fernandes. Apresenta samba, MPB e ijexá, fazendo uma abordagem clássica que remete ao lirismo de sua alma mineira e mantém a tradição de sua essência.

18h – Cantoria em casa – João Netto (Garanhuns, Pernambuco)

Apanhado de canções do cantor, compositor e violinista João Netto ao longo de seus 45 anos de carreira. O músico possui uma vasta obra instrumental e já colaborou com grandes artistas brasileiros como Belchior, Dominguinhos e Paulo Diniz.

19h – Canções de quarentena – Juliano Holanda (Recife, Pernambuco)

Espetáculo musical reunindo composições feitas por Juliano Holanda, durante a quarentena, em parceria com Ezter Liu, PC Silva, Seu Pereira e Luiza Fittipaldi. É um forte depoimento artístico do período.

 

Sexta-feira, 6/11 (Música)

16h – Um pé de tempo – Música de raiz nordestina – Zé Linaldo (Palmares, Pernambuco)

O projeto “Um pé de tempo”, do musicista Zé Linaldo, é um passeio pelos estilos musicais baião, xote, arrasta-pé, aboio e cantoria, com letras de Eugenio Gerônimo. O interprete promove em seu show a resistência da cultura musical das raízes nordestinas.

17h – Live dos 50 anos – Ivando Monte (Natal, Rio Grande do Norte)

Samba, Baião, Forró e Frevo são ritmos que contribuíram para a formação artística do cantor e compositor potiguar Ivando Monte. Os estilos musicais estarão presentes em sua live comemorativa de 50 anos de vida, recordando suas conquistas por meio da música.

18h – Cantos da Casa – Pedro Frota (Fortaleza, Ceará)

Pedro Frota abre a intimidade do seu lar e de suas canções em uma jornada musical pelos cômodos de sua casa. O artista explora as diferentes acústicas dos ambientes e utiliza utensílios domésticos como instrumentos musicais.

19h – Dia de Sol, live em casa aos vivos e às flores – Publius (Recife, Pernambuco)

Apresentação musical do segundo disco do artista Publius, intitulado “Dia de Sol”, no formato voz e violão. A “live em casa aos vivos e às flores” trará ainda comentários sobre os processos criativos de suas canções.

 

Sábado, 7/11 (Atividades infantis)

16h – Carambola recontando histórias – Projeto Carambola (Fortaleza, Ceará)

Contação das histórias “O rabo da raposa”, do cordelista Costa Senna, e “Lúcia-Já-Vou-Indo”, da escritora Maria Heloísa Penteado. O Projeto Carambola tem buscado incentivar a leitura, a arte e a cultura entre as crianças no período de isolamento social.

17h – Circo das Estrelas – Rodrigo Soares (João Pessoa, Paraíba)

O espetáculo do Circo das Estrelas traz mais do que números acrobáticos. Rodrigo Soares e sua equipe proporcionam um entretenimento capaz de reacender a esperança junto às luzes do picadeiro.

Previous CIMAMS PARTICIPA DE VIDEOCONFERÊNCIA SOL DE MINAS
Next Em casa, campeão paulista Vôlei Renata supera Montes Claros América Vôlei na estreia da Superliga

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.