Meta de Doria obriga governo a tirar bunda da cadeira, diz Wellington Dias


O governador do Piauí e coordenador do Fórum Nacional de Governadores, Wellington Dias (PT), afirmou que os Estados “obrigam o governo federal a tirar a bunda da cadeira e ir atrás de mais vacinas” quando anunciam metas ousadas de vacinação. A declaração foi feita ao Poder360 nesta 6ª feira (4.jun.2021).

O Coordenador da temática Estratégia para Vacinação contra covid-19 do Fórum citou o Estado de São Paulo em sua fala. Segundo Wellington Dias, houve uma “ciumeira quando Doria marcou a data de 26.01.2021 para iniciar vacinação […] isso ajudou a empurrar o governo federal para liberar e lutar pela entrega de vacinas para não ficar para trás”.

Receba a newsletter do Poder360
todos os dias no seu e-mail

Disse: “Vejo agora quando São Paulo anuncia que vai vacinar toda demanda com mais de 18 anos até outubro como uma meta ousada e conta com meu apoio, e tem chance sim, e ainda obriga o governo federal se não quiser ficar para trás a tirar a bunda da cadeira e ir atrás de mais vacinas e agilizar entrega. O Brasil vai ganhar nesta disputa positiva. Mais vacinas para salvar mais vidas, em São Paulo, no meu Piauí e no Brasil”.

Na 4ª feira (02.jun.2021), o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), prometeu terminar a vacinação contra a covid-19 de todos os moradores do Estado com mais de 18 anos até o dia 31 de outubro de 2021. O anúncio foi feito em publicação no Twitter. “Preparem o braço. Vamos vacinar toda população adulta do estado de São Paulo até 31 de outubro deste ano”, escreveu.

Previous Brasil confirma mais 1.454 mortes por covid-19 e total passa de 470 mil
Next Em setembro de 2020, virologista propôs “grupo das sombras” a Bolsonaro

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.