Janssen antecipará entrega de 3 milhões de doses em junho, diz Queiroga


O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse nesta 6ª feira (4.mai.2021) que o Brasil receberá ainda em junho 3 milhões de doses da vacina contra covid-19 desenvolvida pela farmacêutica Janssen –braço empresarial da Johnson & Johnson.

O imunizante é aplicado em dose única e teve seu uso emergencial aprovado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) em 31 de março. As primeiras doses estavam previstas para chegar ao Brasil só a partir de julho.

Apesar de anunciar a antecipação da remessa, Queiroga não deu mais informações sobre o lote nem definiu uma data exata para que as vacinas cheguem ao país. O Poder360 entrou em contato com o Ministério da Saúde, mas não obteve resposta até a publicação desta reportagem.

Receba a newsletter do Poder360
todos os dias no seu e-mail

“Hoje mesmo nós fechamos com a Janssen para trazer mais 3 milhões de doses que serão aplicadas agora, no mês de junho. Nós não paramos de trabalhar”, disse o ministro, em entrevista ao jornal Correio Braziliense.

O contrato do governo com a Janssen prevê a entrega de 38 milhões de doses até setembro.

Segundo Queiroga, todos os brasileiros com mais de 18 anos que quiserem se vacinar poderão receber as doses até o final do ano. Essa declaração já havia sido dada pelo seu chefe, o presidente Jair Bolsonaro, em pronunciamento em rádio e TV na 4ª feira (2.jun).

Previous Estados Unidos criam 559 mil vagas de trabalho em maio
Next Alerta de desmatamento na Amazônia Legal é o maior para maio desde 2016

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.