HDG se credencia para ofertar 774 procedimentos cirúrgicos pelo SUS 


Texto e fotos: Divulgação/Ascom HDG 

 

O Hospital Dilson Godinho (HDG) atendeu ao chamamento público do edital da Prefeitura de Montes Claros e se credenciou na tarde da última sexta-feira (15/9) para ofertar mais 774 procedimentos cirúrgicos pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

A documentação foi protocolada junto à Secretaria de Planejamento e Gestão de Montes Claros (Seplag) e tem como objetivo reduzir as filas de cirurgias eletivas do SUS para alta e média complexidade.

Entre as cirurgias que serão ofertadas pelo HDG estão vesícula, otorrinolaringologia, ginecologia, ortopedia, oftalmologia, entre outras.

Médico e diretor-presidente do Hospital Dilson Godinho, Helder Leone Alves de Carvalho explicou que o edital de chamamento do município para as instituições de saúde estava aberto desde o início do ano, mas que somente agora, o HDG se credenciou para ofertar as cirurgias de alta e média complexidade, justamente porque estava em processo de reforma da sua infraestrutura e melhorias nos processos assistenciais para atender a população com mais conforto, qualidade e humanização.

“Desde o início dessa atual gestão, que o Hospital Dilson Godinho vem passando por melhorias em sua infraestrutura. Agora, estamos ampliando as ofertas de serviços prestados aos pacientes via SUS, sem abrir mão da humanização e qualidade da assistência. Essas novas 774 ofertas de cirurgias que credenciamos o HDG para realizar vão ao encontro dos nossos objetivos que é ser referência em assistência hospitalar em todo o norte de Minas”, destacou o médico e diretor-presidente.

Para o médico coordenador da ortopedia do HDG Alexandre Gonçalves Souza Lima, a ampliação da oferta de cirurgias eletivas pelo SUS, vai beneficiar diretamente aos usuários que esperam há meses por um procedimento cirúrgico.

“Com incremento de procedimentos e incentivos, nós cirurgiões ortopédicos enxergamos como um grande benefício a todos aqueles que necessitam ser submetidos a procedimentos cirúrgicos, pois é constitucional que a saúde é um direito de todos e esses novos credenciamentos irão ajudar a desafogar o sistema público de saúde e as cirurgias eletivas irão beneficiar a vários usuários do SUS”, finalizou o ortopedista.

Previous SANTA CASA DE MONTES CLAROS NA 28ª FENICS
Next FENICS encerra edição 2023 com muitos negócios

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *