Entidades pedem  reforço na corporação dos Bombeiros na região 


O Norte de Minas é a região central de cerca de 1,2 milhões de pessoas e em franco desenvolvimento socioeconômico. Desde quando a Associação Comercial Industrial e de Serviços apoiou a criação dos bombeiros voluntários até a instalação de um batalhão na cidade, todos os esforços da sociedade organizada foi para a expansão das equipes. Entretanto, em reunião no dia 17 de agosto, na qual participaram representantes da ACI, CDL, FIEMG e Conselho de Veneráveis do Norte de Minas, o Cel Fernando Augusto do 40 Comando e o Major Darlan Moreira Soares, que comanda o 7º BBM, apresentaram projeto no qual prevê a transferência de 17 sargentos para o Comando Operacional Governador Valadares.

 

Os oficiais são membros do 40 Comando Operacional do Norte de Minas e concluíram o curso de formatura recentemente. Leonardo Vasconcelos destaca que é de suma importância para a região este reforço na corporação, especialmente com a criação de unidades nas cidades de Jaíba e Bocaiuva, além de reforçar a equipe em Francisco Sá. “Entendemos o critério técnico dos Bombeiros, porém ainda há um vazio de pessoal no Norte de Minas. Esperamos que seja dada a continuidade do excelente trabalho que vem sendo realizado, com a incorporação desses novos sargentos em mais dez cidades da região”.

8D28ABF7-9FBA-41FC-90D0-CBF701F1813C.jpg

Em 2017 já havia sido transferido o 40 Comando Operacional de Montes Claros para Governador Valadares. Após a reunião, foi solicitada, através de carta ao Governador Romeu Zema, a criação de uma Comissão Paritária de estudos quanto à viabilidade de criação de novas Unidades do Corpo de Bombeiros na região do Norte de Minas.

Previous Não adianta só falar, tem que fazer!
Next Abrasel realiza 32º Congresso Nacional: O Futuro da Alimentação Fora do Lar

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.