Empreendedora expande negócios em meio à pandemia


Com duas lojas de móveis e design em Janaúba, empresária abre mais uma filial em Montes Claros

 

Manter os negócios diante da crise causada pela pandemia da Covid-19 é um grande desafio para os empresários. Dados de uma pesquisa do Sebrae sobre os impactos do coronavírus nos pequenos negócios, feita entre os dias 25 a 30 de junho, mostram que cerca de 2% dos pequenos negócios mineiros tiveram que fechar as portas em Minas Gerais desde o início da pandemia.

 

Mas, se por um lado alguns lutam para não encerrar seus negócios, por outro, existem empreendedores que enxergam, no meio do enfrentamento da pandemia e do isolamento social, novas oportunidades para expandir os seus negócios.  É o caso da empresária e designer de interiores Flávia Rodrigues Pereira Majela, dona da Projjeta Design, que tem duas lojas de móveis em Janaúba, no Norte de Minas. Ela decidiu ampliar o negócio, com a abertura de uma terceira loja em Montes Claros, cidade-polo da região.

 

Flávia conta que, por causa da crise, um comerciante (do mesmo ramo) de Montes Claros iria fechar o seu estabelecimento e ofereceu a ela o ponto. Foi então que a empresária enxergou a oportunidade e resolveu encarar o desafio.

“Tive a percepção que, como as pessoas estão ficando muito em casa, elas querem mais conforto. Nas lojas em Janaúba, usamos nossas mídias digitais e vendemos muitos colchões, sofás e outras peças para casa. Então decidi que, mesmo em meio à pandemia, não poderia perder essa oportunidade de abrir uma loja em Montes Claros, onde já tenho muitos clientes”, afirma a empreendedora.

 

O analista do Sebrae Minas Jadilson Borges ressalta que essa percepção de oportunidade faz parte do perfil empreendedor. “Enxergar uma oportunidade em meio a uma crise como esta que estamos vivendo é um diferencial. Ter a gestão na mão e metas bem definidas faz com que esse empreendedor entenda o momento e enxergue bons ventos mais à frente”, destaca o analista.

 

A compra da loja em Montes Claros foi efetivada logo nos primeiros dias da flexibilização do comércio pela prefeitura da cidade. Como o local passa por reforma, Flávia fez promoções para renovar o estoque. ”Quero deixá-la com a minha cara, com o nosso padrão de conforto e a qualidade dos produtos, para a abertura oficial em setembro. Enquanto isso estou atendendo de forma personalizada até que possamos abrir em definitivo”, conta. Flávia reforça que, mesmo com a crise, não fez demissões. “Como prezo pela agilidade nas entregas, até contratei mais pessoas para a área de montagem de móveis”, diz.

 

Sonho de empreender

 

Empreender sempre foi o sonho da Flávia, que desde muito jovem já pensava em ter seu próprio negócio no setor de móveis. “Aos 14 anos, eu já trabalhava em uma loja de móveis e ficava ali observando o atendimento. Minha vontade era de auxiliar o cliente na sua necessidade”, relata.

 

Flávia reforça que não ficou parada e foi em busca dos seus objetivos. “Com muito trabalho e dedicação, dez anos depois eu já tinha minha marcenaria de móveis personalizados e uma mini-indústria de guarda-roupas. Fiz um curso de design de interiores em Belo Horizonte, porque eu queria aprender a desenhar para atender o cliente do jeito que ele queria. A partir daí o empreendimento cresceu e, em 2013, abri uma segunda loja”, informa Flávia Rodrigues.

 

Experiência e capacitação

 

Com o curso técnico de design de interiores, Flávia afrima que é uma gestora antenada no mundo dos negócios e sempre faz cursos, capacitações e seminários oferecidos pelo Sebrae. “Fiz o Empretec e isso fez toda a diferença na minha vida como empresária. No seminário, aprendi a ter consciência dos meus pontos fortes e fracos e a desenvolver minhas habilidades empreendedoras. Outros cursos e treinamentos que já participei pelo Sebrae também foram primordiais para eu acompanhar as mudanças do mercado e inovar a cada dia a forma como trabalho”, ressalta.

Previous Governo de Minas continua investindo e reforçando ações de atendimento à Covid-19 no Hospital Universitário
Next Ministro Do Turismo assina liberação de recursos de R$ 2,8 Milhões para construção do Centro de Convenções

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.