Covid-19: doações de empresários e comunidade acadêmica ao HUCF reacendem a esperança durante pandemia


Diante da situação de pandemia causada pelo Novo Coronavírus (Covid-19), o mundo tem se adaptado e utilizado cada vez mais ferramentas digitais para diversas atividades, seja para trabalho, afazeres domésticos ou para fazer o bem coletivo. Com essa mudança tão radical na vida de todos, tem havido também uma percepção natural de solidariedade.

Como forma de incentivar os profissionais do Hospital Universitário Clemente de Faria (HUCF) que lidam diariamente no enfrentamento da doença, desde o início da quarentena, várias empresas, entidades e parceiros locais e de outros estados do país têm promovido ações voluntárias, com doações de equipamentos de proteção individual (EPIs).

 

A mais recente doação ocorreu no dia 30 de abril, quando o Rotary Club Montes Claros Leste, Oracon (empresa de moda masculina de Joinville-SC), costureiras voluntárias, juntamente com a Coteminas, empresa do ramo têxtil, e acadêmicas de Odontologia da Unimontes entregaram equipamentos de proteção individual (EPIs) que serão usados em procedimentos cirúrgicos no HU. Somente os acadêmicos de odonto doaram 200 luvas para o hospital.

 

“Como não estamos utilizando este material, neste momento, e diante da situação atual que estamos vivendo, vimos a necessidade de doar ao hospital”, destaca Vivian Cristina Silva Santos, acadêmica do 9º período de Odontologia.

 

CAPOTES, MÁSCARAS E FILTROS

 

O Rotary Club doou ao hospital capotes, no dia (4/5), máscaras N95, filtros de barreira e sistemas fechados de aspiração. A doação faz parte de uma iniciativa do Rotary Club em conjunto com o Governador do distrito 4760, Nelson Fonseca, que pretende ampliar para outros hospitais da região. Representante do Rotary, Norma Barral diz que “as necessidade são grandes, contudo estamos felizes em ajudar. A doação é o nosso muito obrigado aos profissionais de saúde”.

 

A empresa Oracon doou 144 camisas gola pólo masculinas da marca Yacht Master para o hospital. A doação foi recebida diretamente pelos profissionais de saúde dos setores de Clínica médica, Unidade Semi-Intensiva, CTI adulto e Pronto-Socorro, que estão na linha de frente da pandemia da Covid-19.

 

“A doação faz parte do projeto Heróis que vestem branco”, explicou Moacir Messias Alves de Oliveira, representante da empresa em Montes Claros.  “Minha filha Ana Júlia, quando tinha 10 meses, foi picada por um escorpião. Eu e minha esposa ficamos muito preocupados e levamos ela até HUCF. Fomos muito bem atendidos e os funcionários foram muito prestativos. Hoje, a minha filha tem 10 anos e está muito saudável. Quando chegou a ideia da doação, pensei  logo no HUCF”, diz emocionado o representante Moacir Messias.

 

Grupo formado por amigas costureiras, em parceria com a empresa Coteminas, arrecadou para o HU 380 conjuntos de pijamas para os profissionais de saúde. Inicialmente, as costureiras produziram 46 pijamas com os tecidos que tinham em estoque. A empresa, por meio do vice-presidente, João Lima, e do diretor, Murilo Maciel, incrementou a produção com a doação de 770 metros de tecido.  “Certamente, o recurso que seria utilizado para a compra destes pijamas serão utilizados em outro item essencial. Acreditamos que a doação aumentará os estoques do hospital, consequentemente, ajudará a equipe de profissionais”, destaca Christina Pereira, uma das envolvidas no projeto.

Previous Em tempos de isolamento, projeto “Quarta Em nCena” divulga encontro com convidados
Next Banco do Nordeste oferece crédito emergencial com taxa de 2,5% ao ano

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.