América Vôlei vence o Maringá


Em jogo equilibrado, América Vôlei vence o Maringá no ti-break
 
Texto: Wesley Gonçalves/Ascom América Vôlei
Fotos: Clarissa Caldeira

O América Vôlei recebeu na noite desta terça-feira (10/3), a equipe do Denk Academy Maringá (PR). O jogo atrasado encerrou a 9ª rodada da Superliga Banco do Brasil de Vôlei Masculino e foi transmitido pelo Canal Vôlei Brasil.

 

O Coelho precisava da vitória para correr do fantasma do rebaixamento, com apenas 03 vitórias e 20 derrotas e apenas 13 pontos ganhos na competição e a 11ª posição na tabela até este jogo. O adversário ocupa a 10ª colocação.
A partida foi muito disputada com os visitantes vencendo o primeiro e segundo sets por 22/25 e 21/25. Mas o empate veio nos dois sets seguintes, quando o América Vôlei venceu com placares de 25/22 e 25/20. O jogo foi decidido no tie-break em 3 sets a 2 para os donos da casa que conquistaram a quarta vitória e agora somam 15 pontos.
O troféu VivaVôlei foi para o levantador Rhendrick Resley, e o maior pontuador da partida foi o atleta do Maringá, Rafael Marcarini com 20 acertos. Pelo América, o maior pontuador foi o central, Renan.
O Jogo
O primeiro set foi bastante equilibrado com as duas equipes com o placar apertado até o Maringá abrir em 12/15 e o técnico Henrique Furtado pedir tempo técnico. Mas, os americanos não assimilaram as instruções do técnico e os adversários ampliaram ainda mais com 13/18 e novo tempo técnico. Nem mesmo as substituições do técnico surtiram efeito e os visitantes fecharam o set em 22/25.
Diferente do 1º set, o Coelho começou jogando melhor e abriu 3/1. Mas, não conseguiu manter a diferença, e em dois erros, Maringá chegou ao empate em 3/3.  O América reagiu outra vez, ampliou o placar em 10/7, obrigando o técnico adversário, Alessandro Fadul a pedir tempo. Mas, o resultado não foi o esperado e os donos da casa, ampliaram ainda mais em 13/9. O bloqueio continuou a fazer a diferença e novo pedido técnico pelo Maringá em 15/9. O segundo tempo parece que acordou os adversários que encostaram em 17/15, e o América pediu tempo técnico. E novo tempo técnico foi pedido quando o Maringá empatou em 17/17. O final do set foi disputado e ponto a ponto até o adversário abrir e fechou em 21/25.
O terceiro e decisivo set para o América começou com equilíbrio, mas os donos da casa abriram em 11/8 e o primeiro pedido de tempo técnico do adversário para tentar frear a reação do América. Os comandados de Henrique Furtado apresentaram dificuldade no meio do set e o técnico se viu obrigado a parar o jogo em 17/14. o papo parece ter resolvido e o América voltou a abrir em 20/16 e novo tempo solicitado pelo técnico Alessandro Fadul. O tempo surtiu efeito e o Maringá encostou em 22/20, levando Henrique Furtado a pedir o segundo tempo técnico. A parada deu resultado e o Coelho fechou em  25/22.
Igual ao anterior, o quarto set começou com equilíbrio entre as duas equipes. O América comandou o placar e ampliou em 12/9, depois em 14/10 e tempo solicitado pelo Maringá em 16/11. A parada técnica foi boa para os visitantes que diminuíram a diferença em 16/13 e o técnico do América parou a partida para conversar com os seus comandados. a parada recolocou a equipe  de volta ao comando do set e a diferença aumentou em 21/16. Ao final, os donos da casa venceram por 25/20 e levaram o jogo para o tie-break.
O quinto e decisivo set começou com o domínio do América que abriu de cara 2/0. Mas, a reação do Maringá veio rápida e o set empatou em 2/2 e virada em 3/4, e tempo técnico pedido pelo Henrique Furtado. a parada acordou os americanos que voltaram a comandar o placar em 8/6 e tempo solicitado para o Alessandro Fadul.
a partida reiniciou e o América desconcentrou e os adversários empataram em 8/8. tempo pedido na quadra pelo Henrique Furtado. Na volta do tempo técnico, o jogo voltou a ficar emocionante com as duas equipes coladas no placar, até o América voltar a abrir em 11/9 e os visitarem solicitarem o segundo tempo técnico.
Desconcentrados, os dois times trocaram pontos com erros no saque, mas a diferença continuou a favor do América que fechou o set em 15/13 e a partida em 3 sets a 2.
Previous 08/03/2020 - Elas de Rosa
Next Mês da Mulher

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.