O projeto “NPJ solidário: Mediação em Extensão: mais diálogos, menos violência” do Núcleo de Práticas Jurídicas das Faculdades Integradas Pitágoras (FIPMoc) está concorrendo, pela segunda vez, ao Prêmio Innovare, uma das mais importantes premiações da justiça brasileira.

 

O concurso promovido pelo Instituto Innovare, que em 2018 está em sua 15ª edição, tem o objetivo premiar e disseminar iniciativas inovadoras que contribuem para o aperfeiçoamento da justiça.

No dia 20 de junho, o projeto das FIPMoc recebeu a visita do advogado Ricardo Silva Magalhaes Viana, consultor do Innovare em Minas Gerais, que entrevistou, in loco, todos envolvidos, com o objetivo de colher o máximo de informações sobre o programa, que está concorrendo na categoria Advocacia.

Após a fase de visitação das práticas deferidas, iniciará a fase de avaliação pela Comissão Julgadora composta por personalidades do mundo jurídico e acadêmico nacional. Os premiados serão conhecidos em dezembro durante cerimônia no Supremo Tribunal Federal.

Para os autores da prática inscrita no Innovare, Drª. Anne Marielle Castro de Carvalho, Drª. Cynara Silde Mesquita Veloso, Dr. Daniel Ferreira dos Santos e Dr. Élio Soares Ribeiro, o concurso é uma excelente oportunidade de divulgação de projetos de sucesso no cenário da justiça brasileira, para que sejam replicadas em todo o país propostas criativas, desburocratizadas, democráticas e humanizadas que contribuem para uma cultura de paz.

Sobre o Prêmio

Desde 2004 o Prêmio Innovare vem contribuindo para estimular e disseminar práticas que colaboram para aprimorar a Justiça brasileira. Ao longo dos anos, 175 trabalhos foram premiados entre as mais de 6 mil práticas inscritas em temas como acesso à Justiça, informatização, desburocratização, garantia de direitos, Sistema Penitenciário, apoio à criança, entre outros. Neste período, o Innovare seguiu modernizando sua atuação, abrindo espaço também para a participação da população em geral, em 2015, com a criação da categoria Justiça e Cidadania.

A premiação é mantida pelo Instituto Innovare, uma associação sem fins lucrativos, com a parceria do Ministério da Justiça e Segurança Pública, da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), da Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (CONAMP), da Associação Nacional dos Defensores Públicos (ANADEP), da Associação dos Juízes Federais do Brasil (AJUFE), do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR), da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (ANAMATRA), com o apoio do Grupo Globo.

 

Att.
 
Gustavo de Castro
Comunicação & Marketing