No dia 26 de março, às 20 horas, estreia no Montes Claros Shopping o espetáculo teatral “As mãos de Eurídice”, monólogo de Pedro Bloch, interpretado pelo ator Diógenes Câmara. A apresentação gratuita será aberta ao público e acontece na Praça de Eventos.

O monólogo mostra ao espectador o quanto podem as mãos. “As mãos de Eurídice”, de Pedro Bloc, escrito em 1949, trazem a Gumercindo Tavares, interpretado pelo ator montes-clarense Diógenes Câmara, a angústia e a alegria. A montagem aproxima o ator da plateia, tornando-a confidente de seu drama.

A ação se passa na casa onde o protagonista deixa mulher e filhos para viver uma aventura com a bela e ambiciosa Eurídice. Ao retornar, sete anos depois, pobre e abandonado, encontra a casa vazia. Vasculhando gavetas, vai descobrindo o que se passou na sua ausência.

A máscara expressiva do ator, a interpretação cuidadosa, a força dramática e a intensa comunicação com o público, dão ao espectador a impressão de um real desnudamento psicológico, com verdade e, para espanto da plateia, com lágrimas autênticas e visíveis.

Sobre o ator

O ator montes-clarense Diógenes Câmara celebra 55 anos de carreira. Ele traz em seu currículo as peças “Odorico, o bem amado”, ”onde atuou como Odorico, “O diário de Um Louco”, além de espetáculos infantis como “A anta e o lobo mau”, “A Bela e a Fera”, entre outros. Diógenes também participou do filme “Os Marginais”, do cineasta Carlos Alberto Correia, que é também de Montes Claros.