A Secretaria de Estado de Desenvolvimento e Integração do Norte e Nordeste de Minas Gerais (Sedinor) tem a missão de promover e coordenar ações que visem o desenvolvimento sustentável e a redução das desigualdades desta parte de Minas em relação ao restante do Estado. Desta forma, a Associação Comercial Industrial e de Serviços – ACI e Agência de Desenvolvimento da Região Norte de Minas – Adenor, receberam nessa segunda-feira, 21 de maio, o novo secretário da pasta, César Emílio Lopes Oliveira.

Emílio assumiu o cargo no lugar de Epaminondas Miranda, desde o último dia 17 de maio. Esta foi a primeira reunião com lideranças, como secretário, e reuniu representantes de entidades de fomento, como a FUNDETEC, SIMETRON, FIEMG, ADENOR, IDENE, Alpargatas, IFNMG, Sindicato dos Produtores Rurais, Sociedade Rural, Credinosso e ACI, que pautaram o momento com as boas-vindas e com o desejo de unir forças para efetivar projetos até o fim do ano.

Ex-prefeito de Capitão Enéas, César Emílio destacou que sua gestão à frente da pasta será marcada pelo comprometimento na execução de ações que revertam recursos na ordem de 100 milhões de reais que estão disponíveis na Sedinor. “Faltam 7 meses pra terminar este mandato e têm questões de ajustes para liberar recursos que estavam parados por falta de alinhar estratégia interna, de emendas parlamentares”.

Na pauta, ainda o apoio das entidades para o fortalecimento da bancada de deputados da região, fundamental no pleito de resultados. O presidente da ACI, Dr Newton Figueiredo afirmou que “o papel das instituições é de acolher e deixar as portas abertas para contribuir e solicitar demandas de Montes Claros e região. Ter uma maior representação do poder público é inerente ao apoio a candidatos daqui, incentivando o voto útil e consciente, que não prejudica a própria comunidade ajudando a eleger pessoas de outros lugares do estado”.

Davidson Dantas, da Secretaria do IDENE, lembrou que a Sedinor  tem a força de encaminhar as demandas locais para o governo, gerando compromissos que efetivam os projetos apresentados. Poder contar com quem conhece a região, sabe das necessidades do Norte de Minas, como César Emílio, será o diferencial neste pleito. O presidente da Adenor, Alexandre Ramos, destacou o empenho do Idene e da Sedinor relativo a implantação de ações no setor de energia solar, atraindo investimentos para o Norte do estado.

Na oportunidade, César Emílio recebeu o convite para que a Sedinor e o Idene participem da 23ª FENICS, de 13 a 16 de setembro. Um evento que também tem o objetivo de mobilizar a sociedade no desenvolvimento socioeconômico.

Formado em Gestão Pública pela UNIMONTES, César Emílio foi coordenador estadual do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas – DNOCS, sendo responsável pela a execução dos programas e atividade finalísticas. Foi chefe de gabinete da Secretaria de Comércio e Serviços do Ministério do Desenvolvimento Indústria e Comércio Exterior. Já no período de 2013 a 2016, foi prefeito do município de Capitão Enéas.

Fotos: Nágila Almeida

Atenciosamente,

Nágila Almeida
Assessora de Comunicação ACI