Na última sexta-feira, 5 de janeiro, pessoas ligadas a diversos setores da sociedade, entre entidades, universidades, empresas e poder público se reuniram na Associação Comercial Industrial e de Serviços de Montes Claros para tratar sobre a integração do Norte de Minas à SDSN (Sustainable Development Solutions Network), rede global criada pela ONU.
Segundo Edenilson Durães, da Diretoria Executiva da ACI, “o objetivo da rede é conectar as universidades e a sociedade civil, com apoio do setor privado e do poder público, mobilizando conhecimentos técnicos, científicos e ações voltadas para a implementação de soluções para problemas de desenvolvimento sustentável em escalas locais, nacionais e globais.”
Na reunião, foram elencados diversos temas, agrupados em cinco dimensões: econômica, social, ambiental, informação/conhecimento e infraestrutura. Estes temas serão debatidos em reunião que acontecerá no próximo dia 12, para levantamento de propostas específicas e definição de prioridades.
Para Davidson Dantas, do Conselho Operacional da Agência de Desenvolvimento da Região Norte de Minas – ADENOR, “o trabalho do grupo será importante para elaboração de uma agenda positiva para construção de planos de ação de curto, médio e longo prazos, referendados pela sociedade e compromissados com o poder público.”
André Lara Resende, líder da SDSN em Minas Gerais, destaca que “é muito bom ver o Norte de Minas entrando no circuito de cidades sustentáveis junto com a rede, e que espera um bom número de participantes da região na reunião estadual online que acontecerá no próximo dia 25 de janeiro”.
Atenciosamente,

Nágila Almeida
Assessora de Comunicação ACI