Evento apresenta tendências e inovações para o setor de fruticultura

Para atender às demandas do setor de fruticultura, em expansão no Norte do estado, o Sebrae Minas, a Associação Central dos Fruticultores do Norte de Minas (Abanorte), a Região de Jaíba e vários apoiadores realizam, nos dias 7 e 8 de novembro, a 3ª edição do Abanorte Fruit Connections, no Tatersal do Sindicato Rural, em Janaúba. O evento tem como público-alvo fruticultores (líderes, gestores e executivos), empresários do setor, especialistas, técnicos, estudantes e demais profissionais envolvidos na cadeia da fruticultura nacional e internacional.

O objetivo é debater sobre o sucesso da produção frutífera, tendências de mercado, tecnologias, sustentabilidade, qualidade e certificação do fruto, além de segurança alimentar e uso eficiente da água. Serão abordados ainda temas como exportação e conexões da fruticultura com o novo consumidor. “Além de compartilhar experiências, os produtores terão acesso a informações sobre políticas públicas que estão sendo desenvolvidas, poderão se inteirar sobre as novas tendências do setor como a fruticultura 4.0 e ainda divulgar as potencialidades da região do Jaíba”, ressalta Jadilson Borges, analista do Sebrae Minas.

A programação do evento contará com palestras, oficinas, estandes, balcão de negócios, networking e tour pela Região do Jaíba, com pesquisa em campo. Um dos destaques será a palestra magna “Atitude e propósito mudando a realidade do empreendedor rural”, com José Luiz Tejon, uma das maiores autoridades do país nas áreas de marketing em agronegócio, gestão de vendas, liderança, motivação e superação humana.

As inscrições estão abertas e podem ser feitas pelo site do evento ou nos escritórios da Abanorte em Janaúba e Jaíba. O investimento é de R$ 150 para associados e estudantes e R$ 200 para os demais participantes.

Referência

A presidente da Abanorte, Nilde Antunes, destaca que o Fruit Connections se consolidou como o evento do ano para os fruticultores.  “Em edições anteriores, o evento superou as expectativas em público e alcance dos objetivos propostos. Nesta edição trabalhamos com uma programação arrojada, com abordagens sobre os desafios e oportunidades do setor e os pilares para o futuro da fruticultura sustentável”, enfatiza.

Atividade em expansão

A fruticultura no Norte de Minas tem ganhado destaque, entre outros fatores, em função dos projetos de irrigação do Jaíba, maior perímetro irrigado da América Latina, e do Gorutuba, com grandes plantios de banana, limão, manga e mamão, que são exportados para Europa, América do Norte e Oriente Médio.

Serviço:

Abanorte Fruit Connections

Data: 7 e 8 de novembro

Local: Tatersal do Sindicato Rural de Janaúba – Av. Santa Mônica – Portão 11

Inscrições: www.abanortefruitconnections.com.br

Programação:

Dia 07/11

7h às 11h: Tour Região do Jaíba: Pesquisa em campo – Tecnologias para a fruticultura irrigada

Opção 1: Cultura da banana e fazenda experimental da EPAMIG – Projeto Jaíba            Opção 2: Cultura da manga e fazenda experimental da UNIMONTES – Janaúba

11h: Intervalo para almoço

13h: Credenciamento

14h: Oficinas Técnicas:

1ª Yara – Nutrição na cultura da banana para altas produtividades, com Lucas Ryuichi Muraoka – Engenheiro Agrônomo – ESALQ/USP, com cinco anos de experiência nas áreas de nutrição e fisiologia em fruticultura e horticultura.

2ª Lallemand – Agricultura do futuro: fusarium x nematoides, com Robson Luz Costa – Engenheiro Agrônomo especialista em Proteção de Plantas e Manejo de Pragas.

3ª Full Banana – Inovação no manejo para redução de produtos químicos: Extratos vegetais de mamona, cravo da Índia e melaleuca. Com o Eng. Químico Jones Pinto, do Laboratório Imunno.

15h30: Intervalo para visitação aos estandes, Balcão de negócios com oportunidades exclusivas dos expositores para os participantes e Fruit-Break

16h: Oficinas técnicas:

4ª UPL – Saúde Vegetal: o conceito de proteção, nutrição e fisioativação de plantas, com João Mancine – Gerente de Marketing HF

5ª Grupo Vittia – Uso de produtos Biológicos na agricultura moderna, com         Cibele Medeiros, engenheira agrônoma do Grupo Vittia

6ª Biocell – Mudas clonadas de bananeira, com Rodrigo Hermano de Matos Sales, engenheiro agrônomo

17h30: Encerramento das oficinas técnicas

19h: Credenciamento

20h: Abertura oficial / Coquetel de boas vindas

Dia 08/11

Painel 1: Desafios e oportunidades da fruticultura irrigada

8h: Cenário econômico para a fruticultura brasileira, com Miguel Daoud – Jornalista e economista

8h45: Panorama e perspectivas da fruticultura de exportação, com Jorge de Souza – diretor de projetos Abrafrutas

9h30: Intervalo para visitação aos estandes, Balcão de negócios e Fruit-Break

10h: Organização setorial da bananicultura na Colômbia – Case AUGURA, com Marcela Cadavid Ordoñez – Asociación de Bananeros de Colômbia

10h45: Estratégia de identidade e origem como diferencial de mercado – João Cruz Reis Filho – Diretor Técnico Sebrae Minas

11h30: mesa redonda

12h: Almoço com a chef Fernanda Veloso – Restaurante Fernandino / Networking

Painel 2: Pilares para o futuro da fruticultura sustentável

13h30: A raça 4 do mal-do-Panamá: implementação do plano de contingência no Brasil, com Fernando Haddad – Pesquisador da Embrapa

14h15: O papel estratégico dos centros de pesquisa no desenvolvimento da fruticultura, com Alberto Duarte Vilarinhos – Chefe Geral Embrapa Mandioca e Fruticultura e Nilda de Fátima Ferreira Soares – Presidente Epamig

15h: Intervalo para visitação aos estandes, Balcão de negócios e fruit-Break

15h30: Novos cenários da fruticultura brasileira: banana, manga e lima ácida – com Francisco Rodrigues, Moacir Brito e Tiago Struiving – Especialistas em fruticultura da Região do Jaíba

16h30: Mesa redonda

17h: Atitude e propósito mudando a realidade do empreendedor rural – José Luiz Tejon, especialista em marketing e agronegócio

18h: Encerramento